terça-feira, 3 de outubro de 2017

Cogumelos selvagens em Brucheta



Macrolepiota Procera também conhecidos por  parasol, púcara, pucarinha, púcara de sementeira, frade, fradelho, roque,roca, marifusa, gasalho, capoa, choteiro, centeiro,tortulho, roclo, giriboila, barifusa, pateirinha, entremuitos outros. 




Ora digam lá que não são lindos?
Lindos e maravilhosos, carnudos e saborosos. Mais uma maravilhosa dádiva do Outono!
Sim adoro o Outono é uma estação magica. 
Ontem chegaram me as mão estas lindas jóias fresquinhas acabadinhas de colher.
Claro que não ia deixar para outro dia tinha que os confeccionar logo o mais rapidamente possível, para aproveitar ao maximo todo o seu sabor e frescura.
Este cogumelo chama se Macrolepiota procera é 100% comestível. 
Sim confesso que também tive receio cogumelos selvagens, bem as coisas as vezes podem correr mal.
Mas depois de uma longa pesquisa sobre arrisquei! Pronto ok, quêm mos deu tinha os comido no dia anterior ( Era seguro) Loll.
Mas se quiserem saber um pouco mais desta pequena maravilha espreitem AQUI 
Vale a pena descobrir este mundo fantastico, o dos cogumelos selvagens.
Mas venham cá espreitar o que saiu com estes meninos







































Ingredientes
Pão rústico
Os cogumelos
1 colher de chá de manteiga sem sal
1 colher de sopa de azeite Os transmontanos
1/2 malagueta
2 dentes de alho picado muito fininho 
Flor de sal
Rucula 
 Azedas 
1/2 cebola roxa
Amêndoa laminada e torrada
Tomilho fresco em raminho Aromaticas Vivas

Preparação
Comece por partir e torrar o pão com azeite e alho em pó. Reserve.
Lave muito bem os cogumelos e parta a gosto excluir os pés ppois são bastante fibrosos. 
Depois na mesma certã coloque a manteiga e o azeite com o alho e a malagueta e assim que começar a ferver junte o cogumelos e deixe cozinhar alguns minutos até estarem cozidos.esfarripe um pezinho de tomilho fresco tempere com flor de sal e reserve.
Numa tabua coloque o pão, já torrado em azeite e alho coloque rucula em  3 as Azedas noutras 3  e a cebola roxa em 1 foi quantas tostas me rendeu 7 .
Espalhe os cogumelos por cima de cada tosta de modo a ficar preenchida cada tostinha mais tomilho fresco e por fim as amêndoas torradas.
Dão uma textura crocante vai muito bem e os sabores encaixam na perfeição.
Uma entrada fantástica, que desaparece num piscar de olhos.




Bom Apetite!









2 comentários:

  1. Que tentação Elsa...Adoro cogumelos mas nunca imaginaria umas bruchetas assim. Lindas e certamente deliciosas.

    Já comprei a alfazema mas a flor de rosmaninho está difícil de encontrar :( beijinhos

    https://saboresdoninho.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também muito mesmo faço imensas vezes e muito variadas!
      O rosmaninho encontra se com facilidade num horto.
      Obrigada pelo carinho Cláudia.
      Beijo.
      Elsa

      Eliminar